1801_cama

O carácter ubiquitário destes aracnídeos coloca-os como a primeira causa de alergia no nosso país, pois aqui encontram características ambientais muito favoráveis para o seu desenvolvimento. A sensibilização está directamente relacionada com os níveis e com a duração da exposição. A redução da população de ácaros e/ou da quantidade de alergénios influencia indiscutivelmente a evolução clínica pacientes alérgicos, nomeadamente dos que sofrem de asma, de rinoconjuntivite ou de eczema atópico.
– Medidas:
• Métodos de barreira ou oclusivos – capas de colchão e das almofadas, idealmente aplicadas em colchões novos ou pelo menos recentes (impede a colonização), feitas de tecido com porosidade inferior a 5/10 um, permitindo a passagem do ar e da água ou com revestimento de poliuretano, existindo neste caso capas permeáveis e impermeáveis ao ar e ao vapor de água. Provavelmente constitui a medida isolada mais eficaz (essencial).
• Lavagem da roupa da cama, incluindo edredões e cobertores, sempre acima dos 40 °C, idealmente > 55 °C – existem também capas para edredão, no caso de não ser possível a sua lavagem (essencial).
• Remover peluches da cama/lavagem regular (semanal a mensal), a 60 °C, dos que permanecerem (essencial).
• Remover mobiliário acolchoado (por exemplo, cabeceiras de cama) e alcatifas, particularmente se antigas, preferindo pavimentos em madeira, sintéticos ou aplicação de alcatifas laváveis de pêlo curto. Evitar livros no quarto (desejável).
• Aspiração semanal com dispositivo apropriado (aspirador com filtro de alta eficiência – high-efficiency particulate air – HEPA), disponíveis no mercado a preços muito aceitáveis (desejável). Aspiradores com filtro de água e sem filtro HEPA aumentam a probabilidade de aerossolização de alergénios e de outros agentes biológicos. A limpeza com vapor de água não é recomendada.
• Limpar o pó com pano húmido (desejável).
• Redução da humidade relativa – desumidificadores e aumento da ventilação (desejável).
• Acaricidas – eficácia demonstrada em laboratório (por exemplo, benzoato de benzilo); eventualmente pouco relevantes em locais muito infestados, sendo considerado discutível o seu interesse clínico. Indicada aplicação regular no pavimento (trimestral), seguido de aspiração, se não for possível retirar alcatifas (desejável).

Algumas Etiquetas


cirurgia de hemorroida,cricotomia,herpes génital,fissura anal,radioterapia,trinitrato de glicerina,urticaria,leucocitos 14000,meralgia parestésica,cirurgia de hemorroidas.

Tambem podera gostar -