A_triste_e_falsa_beleza_da_anorexia.jpg (14)
Anorexia e Caquexia (Complicações Tromboembólicas no doente oncológico)

A caquexia constitui uma síndrome caracterizada por emagrecimento, lipólise, perda de massa muscular, anorexia, náusea crónica e astenia (alguns autores consideram que não é obrigatória a presença de anorexia, mas esta está presente na maior parte das vezes).
O critério de emagrecimento não é único, mas considera-se habitualmente uma perda superior a 5% em relação ao peso antes da doença ou superior a 25% nos últimos 2 a 6 meses. Na valorização do peso deve-se ter em conta eventual ascite ou edemas presentes. Admite-se que mais de 80% dos doentes com neoplasia em fase avançada apresentam este tipo de manifestação.
Alguns autores consideram a existência de dois tipos de caquexia: primária e secundária.
A caquexia primária é a que resulta de efeito directo/metabólico da neoplasia, enquanto a forma secundária resulta de complicações induzidas pela neoplasia (mal-absorção, diarreia, insuficiência pancreática, depressão e outras) ou pelas terapêuticas usadas (xerostomia, mucosite, etc). Na base da caquexia primária estão descritos vários mecanismos: aumento do consumo de energia, aumento da síntese proteica, da proteólise e lipólise, e uma redução da síntese de proteínas musculares, da lipogénese e corpos cetónicos; pode ainda associar-se disfunção autonómica com gastroparesia, pseudo-obstrução, diarreia ou obstipação.
Numa ou outra forma de caquexia podem-se associar diversos factores que contribuirão para o agravamento do quadro: dor, obstipação, desidratação, obstrução intestinal, disfagia, alterações do gosto, xerostomia, náusea, alterações cognitivas/mentais, infecção.
A correcção destes factores conduz a um melhor controlo da caquexia.

Algumas Etiquetas


cirurgia de hemorroida,cricotomia,herpes génital,fissura anal,radioterapia,trinitrato de glicerina,urticaria,leucocitos 14000,meralgia parestésica,cirurgia de hemorroidas.

Tambem podera gostar -