sem-dor-de-cabeca-no-fim-de-semana

A dor é muito comum nos doentes críticos como resultado direto da causa de internamento (cirurgia/trauma) ou ainda em consequência de práticas próprias da terapêutica intensiva.
Pode desencadear uma resposta ao stress com taquicardia, aumento do consumo de oxigénio, hipercoaguabilidade, imunossupressão, aumento do catabolismo e disfunção pulmonar. Como consequências podemos ainda ter ansiedade, agitação e delírio.
Sempre que possível, os doentes e seus familiares devem ser informados sobre o potencial doloroso dos procedimentos a que vão ser submetidos e as terapêuticas a instituir para minorar a dor. Devem também ser informados de que muitas vezes a dor pode ser minorada mas não totalmente eliminada.
A dor (localização, características, fatores de agravamento e melhoria, intensidade) deve sempre que possível ser avaliada e registada, de forma a se poder ajustar a terapêutica às variações.
O melhor indicador de intensidade da dor é a informação fornecida pelo próprio doente.
De todas as escalas existentes para avaliação de dor, talvez a mais utilizada seja a escala numérica constituída por uma linha horizontal numerada de 0 a 10 em que 0 representa a ausência de dor e 10 a pior dor imaginável.
Deve ser pedido ao doente que indique onde se encontra, naquele momento, o grau da sua dor.
Qualquer escala pode ser de difícil aplicação em doentes ventilados nas UCI, mas vários estudos já demonstraram a possibilidade e a utilidade da sua utilização.
No caso dos doentes profundamente sedados, anestesiados ou curarizados, a quantificação da dor deve ser tentada com base na avaliação de expressões faciais, movimentos corporais e indicadores fisiológicos (frequência cardíaca, pressão arterial e frequência respiratória) em resposta a procedimentos potencialmente dolorosos e à terapêutica instituída.

Algumas Etiquetas


cirurgia de hemorroida,cricotomia,herpes génital,fissura anal,radioterapia,trinitrato de glicerina,urticaria,leucocitos 14000,meralgia parestésica,cirurgia de hemorroidas.

Tambem podera gostar -