nitrofurantoina-macrocristales-100-mg-7706569021540

É um fármaco de síntese do grupo dos nitrofuranos. Tem actividade contra E. coli e Citrobacter spp., mas não contra outras enterobacteriáceas. Activa contra estreptococos do grupo B, enterococos, S. aureus, Staphylococcus saprophyticus e hominis. O mecanismo de acção não está elucidado. Podem inibir enzimas bacterianas e lesar o ADN, mas, também, induzir os mecanismos bacterianos para a sua reparação, pelo que apenas são susceptíveis a bactérias com mecanismos de reparação insuficientes ou defeituosos. Têm utilidade clínica apenas no tratamento de infecções urinárias não complicadas da mulher causadas por agentes susceptíveis.
– Farmacologia – razoável biodisponibilidade por via oral, sobretudo na forma macrocristalina, sendo quase totalmente distribuída nos tecidos, com concentrações séricas insuficientes para o tratamento de situações bacteriémicas. É eliminada pela urina, por filtração glomerular e secreção tubular activa, onde atinge concentrações que podem ser bactericidas. Atravessa a placenta e penetra no leite materno. 11/2 de 20-60 minutos.
– Segurança – contra-indicada em insuficientes renais. Para além de intolerânca gastrintestinal em cerca de 17% dos doentes expostos à forma macrocristalina, pode ocorrer uma reacção anafiláctica, agranulocitose, dor restrosternal, alterações hepáticas graves, alterações pulmonares (fibrose pulmonar, sobretudo em idosos e com tratamentos prolongados) e neuropatia periférica.
– Interacções – estão insuficientemente avaliadas. Está descrito um antagonismo com quinolonas.
– Posologia e administração – na forma macrocristalina, 100 mg de 6/6 horas, p.o., com alimentos. A duração do tratamento não deve ser inferior a 7 dias.

Algumas Etiquetas


cirurgia de hemorroida,cricotomia,herpes génital,fissura anal,radioterapia,trinitrato de glicerina,urticaria,leucocitos 14000,meralgia parestésica,cirurgia de hemorroidas.

Tambem podera gostar -