Artigos

mais novas1562012 012 180x180 - Hemoptises não maciças

Hemoptises não maciças

Nos doentes com hemoptise ligeira a moderada, a avaliação e tratamento podem ser realizados em ambulatório.
O diagnóstico etiológico é um fator essencial na abordagem terapêutica. Por exemplo, nos doentes com hemoptises secundárias, a patologia infeciosa ou inflamatória, o tratamento com antibióticos e antitússicos pode ser suficiente; nas hemoptises secundárias a infeção tuberculosa, a terapêutica médica habitualmente conduz à resolução do processo enquanto que nas bronquiectasias localizadas, que cursam com hemoptises ameaçadoras, a cirurgia eletiva poderá estar indicada.
Os doentes que apresentem co morbilidade cardiopulmonar e/ou hematológica devem ser internados para observação e vigilância, assim como os doentes com hemoptises moderadas devido ao risco de hemorragia posterior mais acentuada.