Artigos

parkinson 180x180 - Tremor Ortostático

Tremor Ortostático

Presente no ortostatismo, melhorando com a marcha e o sentar. Os fármacos mais frequentemente descritos como eficazes são o clonazepam e a primidona.

mal parkinson 3 180x180 - Tremor Cerebeloso

Tremor Cerebeloso

Tremor puro ou predominantemente “intencional”, associado ocasionalmente a tremor postural, sem tremor de repouso, uni ou bilateral e baixa frequência. Não existe qualquer terapêutica com eficácia seguramente demonstrada. Estão descritos resultados positivos com a utilização de isoniazida, clonazepam, propranolol, carbamazepina, ondansetron, entre outros.

hemorragia cerebelar 180x180 - Tremor (Esclerose Múltipla)

Tremor (Esclerose Múltipla)

-> Tremor – o tremor cerebeloso é um dos sintomas mais incapacitantes para o doente com EM e responde extremamente mal à terapêutica farmacológica. Alguns casos melhoram com doses elevadas de isoniazida (1200 mg/dia). O clonazepam tem alguma eficácia embora a sedação que provoca limite a sua utilização. O propanolol e a primidona são em geral ineficazes. Há relatos pontuais de melhoria de tremor cerebeloso em doentes com EM utilizando o topiramato e a gabapentina.

F1.large 1 180x180 - Tremor de Holmes

Tremor de Holmes

Antigo tremor rubrico. Não existe terapêutica definida. Estão descritos doentes que responderam à levodopa, anticolinérgicos e clonazepam.

mal parkinson 2 180x180 - Degenerescência Corticobasal

Degenerescência Corticobasal

—> Etiologia – degenerescência seletiva do córtex cerebral (frontal e parietal) e do estriado, de causa não esclarecida.
—> Sintomatologia – o quadro de parkinsonismo associa-se habitualmente a três sinais que fazem suspeitar do diagnóstico: mioclonias, apraxia ou défice de sensibilidade cortical (frequentemente assimétrico) e distonia segmentar.
—> Diagnóstico – as mioclonias e a apraxia fazem suspeitar do diagnóstico. A TC/RM pode mostrar atrofia dos lobos frontais e parietais, geralmente assimétrica.
—> Terapêutica – a L-DOPA é geralmente ineficaz, estando descrito agravamento da distonia com a L-DOPA. As mioclonias geralmente não respondem ao valproato de sódio, e o clonazepam é o único medicamento eficaz (0,5 mg bid até 4 mg tid), em mais de 30% dos casos, embora com taquifilaxia (perda de eficácia com o tempo).