Artigos

Dez dicas para você dormir melhor 180x180 - Perturbação do Comportamento Associada ao Sono REM

Perturbação do Comportamento Associada ao Sono REM

—> Tratamento não farmacológico – inclui medidas de proteção tais como a remoção dos objetos perigosos do quarto, trancar portas e janelas, colocar almofadas à volta da cama.
—» Tratamento farmacológico – o clonazepam é efetivo no tratamento do RBD com pouca evidência de tolerância ou abuso, sendo atualmente o medicamento de escolha.
A dose inicial de 0,5 mg ao deitar permite rapidamente suprimir o comportamento motor durante o sono e os sonhos vividos. Nalguns casos, é necessário um aumento para 1 mg ao deitar. A dose pode ser antecipada para 2 horas antes de deitar se existir insónia inicial, movimentos involuntários dos membros inferiores pouco tempo após o início do sono ou sedação matinal excessiva.
Outros fármacos com um nível de recomendação terapêutica mais baixa, efetivos em estudos de caso ou ensaios abertos, foram a melatonina, os antidepressivos tricíclicos e a levodopa.

cicloserina oral 180x180 - Naltrexona

Naltrexona

Tal como a naloxona, também a naltrexona inibe competitivamente todos os opióides agonistas dos receptores, revertendo os efeitos colaterais mais comuns. Tem particular interesse nos programas de descontinuação dos toxicodependentes, pelo facto de apenas existir em apresentação oral sob a forma de comprimidos e deve ser sempre utilizada em conjugação com programas de modificação de comportamento.

764780 180x180 - Estadiamento e outros factores prognósticos e preditivos

Estadiamento e outros factores prognósticos e preditivos

Uma classificação útil das doenças oncológicas deverá incluir características do tumor que permitam, tanto quanto possível, definir o seu comportamento e, consequentemente, o seu prognóstico.


Warning: DOMDocument::loadHTML(): htmlParseStartTag: invalid element name in Entity, line: 4 in /home/medicina/public_html/wp-content/plugins/wpex-auto-link-titles-master/wpex-auto-link-titles.php on line 30
Carcinoid cancer 180x180 - Síndrome de Pseudo-Cushing

Síndrome de Pseudo-Cushing

É causada por quadros depressivos, alcoolismo e perturbações do comportamento alimentar como a bulimia e a anorexia nervosa.
Estas situações podem levar a alterações do metabolismo dos glicocorticóides como elevação do cortisol urinário, perda do ritmo circadiano do cortisol e insuficiente supressão do cortisol pela dexametasona.
O melhor teste para diagnóstico diferencial da síndrome de Cushing com o pseudo-cushing é o teste de 2 dias com dexametasona 0,5 mg seguido de administração de CRH 2 horas após a última dose.
Na síndrome de Cushing verifica-se um cortisol >1,4 mg/dl (após a administração de CRH) e no pseudo-cushing <1,4 mg/dl.