Artigos

155436 Papel de Parede Olho 155436 1280x720 180x180 - Outros órgãos e sistemas (Complicações da RT)

Outros órgãos e sistemas (Complicações da RT)

Ao nível do olho e anexos, dependendo da dose e volume irradiados, a RT pode provocar lesões no cristalino, aparelho lacrimal, retina ou nervo óptico, com alterações na pressão intra-ocular, cataratas, xeroftalmia ou alterações nos campos visuais.
As alterações sobre o aparelho auditivo incluem tinnitus, perda de acuidade auditiva, sendo estes efeitos mais notáveis quando há combinação com citostáticos com ototoxicidade (por exemplo, cisplatina).
A irradiação de neoplasias do pescoço ou mediastino poderá levar a défices hormonais progressivos pela irradiação da tiróide, devendo ser efectuada uma vigilância adequada com a instituição precoce do tratamento de substituição; é frequente o aparecimento de hipotiroidismo subclínico, revelado por TSH elevada, que importa tratar.
Os efeitos sobre o coração podem variar dependendo da dose e volume de miocárdio irradiado e da eventual combinação de drogas cardiotóxicas e incluem pericardite, derrame pericárdico, fibrose do miocárdio, doença isquémica, redução de volume ventricular esquerdo secundária a cardiomiopatia e lesões valvulares. Estes efeitos são raros, mas dependem também de idade e consumo de tabaco.
A irradiação pulmonar pode provocar alterações na elasticidade do órgão, com redução da compliance e capacidade de difusão, levando progressivamente a doença restritiva, se forem irradiados volumes muito extensos.

18 18 1 180x180 - Síndrome de Sjogren

Síndrome de Sjogren

Doença auto-imune que afecta as glândulas salivares e lacrimais. Cursa com diminuição da secreção glandular que se manifesta por xerostomia e xeroftalmia. A terapêutica sintomática é feita com saliva e lágrima artificial e gargarejos com água morna.

spilled bottle od pills 180x180 - Terapêutica (Síndrome de Sjogren)

Terapêutica (Síndrome de Sjogren)

O tratamento da SS é fundamentalmente sintomático, dirigido as queixas secas.
-Medidas gerais.
Os doentes com insuficiência lacrimal estão mais sujeitos às agressões do ambiente, pelo que devem evitar expor-se ao vento e a fumos. Os doentes com xerostomia devem ingerir frequentemente pequenas quantidades de líquidos, de preferência água fresca acidificada com algumas gotas de limão ou usar substitutos da saliva. É necessário um cuidado redobrado com a higiene oral, pois a falta de saliva favorece o aparecimento de cáries dentárias e de candidíase.
-Xerostomia e xeroftalmia.
A xeroftalmia é tratada com substitutos lacrimais, por exemplo colírio ou gel de metil- celulose. A pilocarpina, um antagonista dos receptores muscarínicos, administrada oralmente na dose de 5 mg/3-4xdia estimula a secreção lacrimal e salivar. Em casos particulares pode ser benéfica a oclusão do canal lacrimal. A ciclosporina tópica é útil no tratamento da quequeratoconjuntivite seca. Alguns doentes referem melhoria das queixas secas com bromexina ou com N-acetilcisteína, apesar dos estudos não mostratem resultados convincentes.
-> Artrite.
Os AINEs são úteis no alívio sintomático das queixas músculo-esqueléticas, mas deve-se ter em conta que podem precipitar problemas renais. Em caso de persistência de artrite, pode utilizar-se antipalúdicos (cloroquina ou hidroxicloroquina) ou mesmo metotrexato (10-15 mg/semana).
-> Corticóides.
Estão reservados para situações clínicas graves como, por exemplo, anemia hemolítica, pleuro-pericardite ou vasculite.


Warning: DOMDocument::loadHTML(): htmlParseStartTag: invalid element name in Entity, line: 2 in /home/medicina/public_html/wp-content/plugins/wpex-auto-link-titles-master/wpex-auto-link-titles.php on line 30

Warning: DOMDocument::loadHTML(): htmlParseStartTag: invalid element name in Entity, line: 3 in /home/medicina/public_html/wp-content/plugins/wpex-auto-link-titles-master/wpex-auto-link-titles.php on line 30
images 9 180x180 - Diagnóstico (Síndrome de Sjogren)

Diagnóstico (Síndrome de Sjogren)

O diagnóstico baseia-se na presença de xerostomia e xeroftalmia e na documentação de:
– Queratoconjuntivite seca (teste de Shirmer <5 mm/5 minutos ou biomicroscopia positiva após coloração com Rosa de Bengala ou fluoresceína). —> Diminuição da produção de saliva (sialografia, cintigrafia das glândulas salivares, secreção salivar não estimulada <1,5 ml/15 minutos). -» Histologia de glândulas salivares minor com demonstração de infiltrado linfocitário (pelo menos 1 foco de 50 linfócitos por 4 mm2). -> Presença de auto-anticorpos anti-SSA e anti-SSB.

transferir 4 180x180 - Aspectos Clínicos (Síndrome de Sjogren)

Aspectos Clínicos (Síndrome de Sjogren)

As queixas secas, xerostomia e xeroftalmia, dominam o quadro clínico, mas os doentes também referem frequentemente fadiga, mialgias, artralgias ou artrite. Pode ocorrer aumento das parótidas, adenopatias, insuficiência de outras glândulas exócrinas, miosite, pneumonite, gastrite atrófica, doença hepática, citopenias, lesões neurológicas, nefrite intersticial, entre outras. Nos exames laboratoriais é frequente encontrarmos um aumento da gamaglobulina, factores reumatóides, ANA (anticorpos antinucleares), anti-SSA e anti-SSB positivos.
Os doentes com SS primário têm um risco aumentado de evoluir para doença linfoproliferativa.